quinta-feira, 20 de agosto de 2015

I feel so alive

Gente, eu ainda existo, tá? Não sumi. 
Peço perdão pelo vacilo (de ter sumido), mas é que eu tava envolvida num projetos aí (haha, pior que é sério) e isso tava consumindo mais energia que um chuveiro elétrico ligado por mais de 32 min por dia. Mas ontem ele acabou (pra quem interessar: Deu tudo certo) e eu vou poder finalmente retomar a minha vida e voltar pra minha rotina de escrever porcarias que não interessam pra ninguém.


Calma que amanhã tem post.
E ele vai falar de futebol.
Na verdade vai ser só uma lista sobre futebol (e ela vai ter muito clubismo porque AQUI É PARMERA!).... Mas, enfim.
CALMA.

domingo, 2 de agosto de 2015

Eu aceito todas suas crises e finjo que acredito no que você diz

Eu queria mesmo não sentir a sua falta.
Mesmo.

E eu tinha escrito um post BEM GRANDÃO sobre isso, mas apaguei sem salvar em nenhum lugar porque te dizer que eu queria não sentir sua falta e depois fazer um texto bem grandão dizendo os porquês de eu sentir faz bem só pro seu ego e mal pro (meu) coração.






~*~
Moço, meus amigos já tão te chamando de AQUECIMENTO GLOBAL. Você vem, derrete o gelo do meu coração e faz um puta estrago que ninguém sabe muito bem como consertar. Não tá bonito, moço.